Único pré-candidato republicano que restou na disputa das primárias da eleição americana, Donald Trump fez um discurso ontem no qual pediu a união do partido contra Hillary Clinton, que deve ser confirmada candidata dos democratas. O aceno de Trump é uma forma de tentar quebrar resistência entre os próprios colegas.